NotÍcias

Revelada identidade de homem que estuprou Demi Moore aos 15 anos

A mãe da atriz teria recebido 500 dólares para permitir que o agressor encontrasse a filha

Depois de Demi Moore revelar que foi vítima de estupro aos 15 anos em sua autobiografia Inside Out (De Dentro Para Fora), o jornal The Sun começou a investigar a identidade do agressor.

Segundo o tabloide, o homem que violentou a atriz é o grego Basil Doumas, dono do clube La Cage Aux Folles, famosa boate entre celebridades nos anos 70, em Los Angeles. Basil morreu em 1997, aos 68 anos.

O ex-sócio de Doumas, George Dermanides, foi quem revelou a identidade do homem. “O nome real dele era Basil e seu apelido sempre foi Val. Ele era meio que o meu parceiro silencioso desde 1974. Tinha muito dinheiro. Mas eu comprei tudo dele depois de sete anos”. Mas Dermanides disse não saber sobre o caso de estupro. “Eu não tenho ideia. Se é verdade, é uma história muito triste”, comentou.

Em seu livro, a estrela de Hollywood revelou que sua mãe recebeu 500 dólares para deixar que o homem entrasse em sua casa. “Foi estupro e uma traição devastadora revelada pela pergunta cruel do homem: ‘Como você se sente por ser prostituída pela sua mãe por 500 dólares?’”, escreveu Demi.

A atriz escreve ainda que conheceu o homem com sua mãe em um restaurante nos anos 1970. Doumas, então, teria começado a aparecer na sua escola. Até que um dia ela chegou em casa e ele estava lá, esperando para estuprá-la.

Mostre mais

Artigos relacionados

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Portal Meacheaki Noticias e Entretenimento. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close