Ba X ViEsportes

Sem vencer há três jogos, Bahia encara o Palmeiras em São Paulo

Tricolor precisa vencer no Allianz Parque para se recuperar no Brasileirão

Comemorar longe de Salvador pela primeira vez neste Brasileirão e deixar a zona de rebaixamento. Esses são os objetivos do Bahia contra o Palmeiras, neste sábado (20), às 21h, no Allianz Parque, em São Paulo. O tricolor ainda não venceu fora de casa e, com cinco pontos, amarga a 17ª posição.

Para acabar com o jejum e iniciar a reabilitação no campeonato, a equipe comandada por Guto Ferreira precisará encontrar o caminho das redes. O Bahia ainda não fez gol fora de casa. Na estreia da Série A, perdeu para o Internacional por 2×0, no Beira-Rio, em Porto Alegre. Na quarta rodada, foi derrotado pelo mesmo placar pelo Sport, na Ilha do Retiro, no Recife.

A pontaria do Bahia é a segunda pior do Brasileirão. Assim como Cruzeiro, Ceará e Paraná, o tricolor marcou apenas três gols nas cinco primeiras rodadas do campeonato. Só anotou mais que o Internacional. A equipe gaúcha balançou a rede somente duas vezes – contra o próprio Esquadrão.

Esta é a primeira vez que o Bahia vai enfrentar o Palmeiras no Allianz Parque, estádio inaugurado em novembro de 2014. O empate por 2×2 no Brasileiro do ano passado foi disputado no Pacaembu.

Aquele jogo faz parte de uma estatística favorável à equipe baiana: o tricolor não perde como visitante para o alviverde na Série A há 17 anos. A última vez foi em 2001, no antigo Parque Antártica. Na ocasião, o colombiano Muñoz e Lopes construíram o triunfo, e Preto Casagrande diminuiu.

De lá pra cá, além do placar igual em 2017, foram registrados outros dois empates e dois triunfos do Bahia. Em 2002, Gil Baiano e Geraldo garantiram o 2×1. Em 2012, Souza foi o responsável pelo 2×0 em Barueri-SP. Os empates foram em 2012 e 2014, ambos por 1×1.

Pelo Campeonato Brasileiro unificado, o Bahia ainda venceu o Palmeiras outras três vezes longe de Salvador. Os gols de Charles e Naldinho construíram o 2×1 em 1990. Zanata foi o único em campo a balançar a rede em 1987. Dois anos antes, em 1985, Robson e Toinzinho deram a vitória por 2×1 ao Esquadrão. Ao todo, são dez derrotas, cinco empates e cinco triunfos do Bahia fora de casa.

O Palmeiras de 2018 é o 5º colocado com oito pontos e o clube com o elenco mais caro do Brasil. Apesar do alto investimento, o técnico Guto Ferreira acredita que o Bahia conseguirá equilibrar forças quando a bola rolar. “O futebol permite que aqueles teoricamente mais fracos rivalizem equilíbrio com estratégia, disposição. Cada momento no futebol é um momento. O teoricamente mais fraco Bahia, porque parte da leitura do mercado, pode rivalizar de igual para igual e vencer. Não acredito nessa diferença”, afirmou.

Sem vencer há três jogos, Guto quer o time  concentrado até o apito final. “Eu acho que a gente tem conseguido fazer muitas coisas dentro de campo. Indiferente de quem venha, quem seja o adversário, temos como rivalizar. O mais importante é saber o que são nossas virtudes, defeitos e trabalhar, acreditar até o último minuto. Você tem que seguir buscando errar o menos possível”, explicou.

O provável time que entra em campo tem: Douglas, Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Edson, Vinícius, Zé Rafael e Elber; Edigar Junio. 

Dono da melhor campanha da Libertadores, o Palmeiras vem de triunfo por 3×1 sobre o Junior Barranquilla, no Allianz Parque, quarta-feira. O técnico Roger Machado, inclusive, poupou alguns titulares na ocasião. O time paulista fez dois jogos em casa na Série A: bateu o Internacional por 1×0 e empatou com a Chapecoense por 0x0.

Sub-23
O Bahia contratou mais dois jogadores para o Brasileirão de aspirantes, que começa em junho: o volante Lepu, ex-Macaé, e o meia Fernandinho, ex-Noroeste. Vale lembrar que o volante Flávio e o atacante Ítalo, também contratados para a equipe sub-23, já estrearam no time principal do Esquadrão.

Fonte: Correio 24 Horas

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
%d blogueiros gostam disto: